domingo, 22 de janeiro de 2012
0 comentários

Segurança pública: assaltos, tráfico e menores

Desculpem-me pelo tempo que sumi, mas por estes tempos priorizei algumas coisas e deixei o blog em segundo plano. Uma das coisas que vêm sendo comentada nas rodas de amigos e meios de comunicação de Rio Paranaíba são os intensos assaltos que casas e fazendas vêm sofrendo. Falta de segurança pública? Talvez, mas é fato que para tão poucos policiais fica difícil patrulhar e atender a todos os chamados e lhes garanto que a polícia tem feito o que pode.
O que impressiona é uma cidade pequena como esta ter tanta incidência de assaltos e o pior: a quantidade exacerbada de menores envolvidos. O crime de furto em si já se torna um problema, mas o envolvimento de menores atenua ainda mais, porque estes menores não são presos e a maioria não sofre nenhuma punição, o que distancia ainda mais a chance de termos uma solução.
A maioria dos menores envolvidos nos furtos também estão envolvidos com o tráfico de drogas e eu mesma vejo isso, pois moro perto dos pontos de drogas da nossa cidade.
Uma coisa ainda falada pelos policiais me chama atenção, quando um menor é apreendido é necessário que um carro de polícia desloque-se com secretária do conselho tutelar e o menor para Patos de Minas, levando horas para solução do problema, na verdade, de uma pseudo-solução. Esse tempo "perdido" serviria para a polícia patrulhar e evitar outras ações de criminosos.
A solução para isso não vem daqui de Rio Paranaíba, é necessário projetos de lei de deputados para a diminuição da maioridade penal, afinal, sem punição para que eles iriam parar de causar problemas?
Outra coisa que eu vou colocar aqui sobre o tráfico de drogas na nossa cidade e acho que até pode vir a me causar problemas, mas enfim, é necessário dizer: Nossa cidade não é diferente de grandes periferias que quando a droga chega, são colocados olheiros para identificar se a polícia vem ou não para que não haja apreensão da mesma. É um sistema articulado, acredite!

0 comentários :

Postar um comentário

 
Toggle Footer
Top